José Malcher Jr.

Eng. Software – Analista de Sistemas

Olá!

Esse vídeo são vários recortes que eu fiz durante a minha ida de bike para uma das praias mais bonitas de Mosqueiro, Praia do Paraíso.
Coloquei um desafio de chegar na ilha que fica mais ao extremo!

Bom…gostei muito te ter gravado, vou melhorar na próxima pedalada!

Abraços!

julho 30th, 2011

Posted In: Belém, Esportes

Tags:,

Leave a Comment

Encontrei esse artigo procurando algo sobre o PMBOK, estava lendo a Revista Engenharia de Software 37  (A gerência de projetos de software em duas perspectivas – Parte 1 ), e fui busca + leituras, compartilhando aqui!

Autor: Márcio d’Ávila
LINK: http://www.mhavila.com.br/topicos/gestao/pmbok.html

Gerenciamento de projetos (GP) é uma área de atuação e conhecimento que tem ganhado, nos últimos anos, cada vez mais reconhecimento e importância. Um dos principais difusores do gerenciamento de projetos e da profissionalização do gerente de projetos é o Instituto de Gerenciamento de Projetos (PMI – Project Management Institute).

Fundado nos Estados Unidos em 1969, o PMI é uma associação profissional mundialmente difundida, atualmente com meio milhão de membros em mais de 180 países. O PMI é distribuído geograficamente pelo mundo em Capítulos. Existe o PMI Brasil – Integração Nacional, programa dos capítulos do PMI em diversos estados brasileiros.

Duas das principais iniciativas do PMI na difusão do conhecimento em gerenciamento de projetos são as certificações profissionais em gerência de projetos — Project Management Professional (PMP) e Certified Associate in Project Management (CAPM) — e a publicação de padrões globais de gerenciamento de projetos, programas e portfólio, sendo a mais popular delas o Guia do Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK® – Project Management Body of Knowledge).

Editado na forma de livro, o Guia PMBOK está atualmente na quarta edição de 2008 e traduzido oficialmente para diversos idiomas, inclusive o português do Brasil. As edições anteriores foram publicadas nos anos de 1996, 2000 e 2004.

O PMBOK formaliza diversos conceitos em gerenciamento de projetos, como a própria definição de projeto e do seu ciclo de vida. Também identifica na comunidade de gerenciamento de projetos um conjunto de conhecimentos amplamente reconhecido como boa prática, aplicáveis à maioria dos projetos na maior parte do tempo. Estes conhecimentos estão categorizados em nove áreas e os processos relacionados são organizados em cinco grupos ao longo do ciclo de vida do projeto.

Projetos e seu gerenciamento

Um projeto é um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo.

Dois termos da definição de projetos merecem destaque. Temporário não significa necessariamente de curta duração, mas sim que um projeto possui um início e um término definidos. Isso distingue o projeto dos trabalhos operacionais de natureza contínua.

E exclusivo indica a singularidade da natureza de cada projeto, pois mesmo que elementos repetitivos ou similares possam estar presentes em algumas entregas do projeto, o resultado de cada projeto é obtido sob uma combinação exclusiva de objetivos, circunstâncias, condições, contextos, fornecedores etc.

O gerenciamento de projetos consiste na aplicação de conhecimentos, habilidades, ferramentas e técnicas adequadas às atividades do projeto, a fim de cumprir seus requisitos.

Áreas de conhecimento

As nove áreas de conhecimento caracterizam os principais aspectos envolvidos em um projeto e no seu gerenciamento:

  • Integração
  • Escopo
  • Tempo
  • Custos
  • Qualidade
  • Recursos humanos
  • Comunicações
  • Riscos
  • Aquisições

Escopo, Tempo, Custos e Qualidade são os principais determinantes para o objetivo de um projeto: entregar um resultado de acordo com o escopo, no prazo e no custo definidos, com qualidade adequada; em outras palavras, o que, quando, quanto e como. Recursos Humanos e Aquisições são os insumos para produzir o trabalho do projeto. Comunicações e Riscos devem ser continuamente abordados para manter as expectativas e as incertezas sob controle, assim como o projeto no rumo certo. E Integração abrange a orquestração de todos estes aspectos.

Um projeto consiste nisso: pessoas (e máquinas) que utilizam tempo, materiais e dinheiro realizando trabalho coordenado para atingir determinado objetivo.

Processos do gerenciamento de projetos

A aplicação dos conhecimentos requer a adoção eficaz de processos apropriados. Cada área de conhecimento abrange diversos processos no gerenciamento de projetos.

Um processo é um conjunto de ações e atividades interrelacionadas que são executadas para alcançar um objetivo. Cada processo é caracterizado por suas entradas, as ferramentas e as técnicas que podem ser aplicadas, e as saídas resultantes.

Os cinco grupos de processos de gerenciamento de projetos são:

  1. Iniciação
  2. Planejamento
  3. Execução
  4. Monitoramento e Controle
  5. Encerramento

Os grupos de processos de gerenciamento de projetos têm grande correspondência com o conceito do Ciclo PDCA (Plan – Do – Check – Act): Planejar – Fazer – Verificar – Agir (corrigir e melhorar). O grupo de Planejamento corresponde ao Planejar; Execução, ao Fazer; e Monitoramento e controle englobam Verificar e Agir. E como a natureza dos projetos é finita, o PMBOK ainda caracteriza os grupos de processos que iniciam (Iniciação) e finalizam (Encerramento) um projeto.

Além de conceituar os aspectos fundamentais do gerenciamento de projetos, de forma a promover um vocabulário comum dentro dessa profissão, o Guia PMBOK documenta (define e descreve) processos de gerenciamento de projetos e os apresenta didaticamente, organizados em um capítulo por área de conhecimento. Em cada processo, são abordados suas entradas e saídas, suas características, bem como os artefatos, técnicas e ferramentas envolvidas.

O excelente diagrama com um fluxo proposto por Mauro Sotille, disponível nas seções de templates e artigos sobre Gerenciamento de Projetos do portal da empresa PM Tech, relaciona de forma gráfica e sintética todos os 42 processos de gerenciamento de um projeto descritos no PMBOK 4ª Edição, indicando também os cinco grupos em que os processos se distribuem e as respectivas áreas de conhecimento associadas a cada um.

Crédito/Fonte: Fluxo de Processos do Gerenciamento de Projetos – PMBOK 4a Edição – com ícones [PDF], por Mauro Afonso Sotille, PM Tech – Capacitação em Gerenciamento de Projetos, Porto Alegre – RS, 2009. Ver também Fluxo de Processos do GP – PMBOK 4ed (sem ícones) e Visão Geral dos Processos do GP – PMBOK 4ed.

Para estes mesmos 42 processos de gerenciamento de projetos do PMBOK 2008, a matriz a seguir provê uma visão quantitativa de sua distribuição pelas áreas de conhecimento e pelos grupos de processos. Clique na figura para exibir uma descrição resumida dos respectivos processos.

Pelo diagrama é fácil perceber algumas características lógicas dos processos de gerenciamento de um projeto:

  • praticamente todas as áreas de conhecimento são abordadas nas atividades de Planejamento (definir, estimar e planejar cada aspecto) e de Monitoramento e Controle (controlar) — no PMBOK 4ª edição, o processo de Gerenciar a equipe passou ao grupo de Execução, deixando apenas a área de RH sem processos no grupo de Controle;
  • quanto a Execução, os aspectos envolvidos mais ativamente são a equipe (RH), as comunicações, as aquisições, e a garantia da qualidade;
  • a integração se faz presente em todos os momentos do projeto.
  • na figura com as descrições, os grupos de processos representam os tipos de atividades, as áreas de conhecimento caracterizam os assuntos, e seu cruzamento induz, de forma bastante intuitiva, os respectivos verbos — definir, planejar, estimar, gerenciar, monitorar, controlar, encerrar etc. — e substantivos que descrevem os processos de gerenciamento relacionados.

Isso mostra que os conceitos e melhores práticas que o PMBOK reúne, organiza e formaliza estão naturalmente presentes na essência do gerenciamento de qualquer bom projeto.

O gerente de projetos

O gerente do projeto é a pessoa designada pela organização responsável pela condução do projeto, com a missão de zelar para que os objetivos do projeto sejam atingidos. O gerente de projetos tem sido caracterizado por um perfil profissional com domínio e experiência especializados nos processos e nas áreas de conhecimento do gerenciamento de projetos.

O trabalho do gerente de um projeto pode ser sintetizado em dois grandes elementos:

  • Planejar (antes) e Controlar (durante) as atividades do projeto e seu gerenciamento, conforme se pode constatar pela concentração de processos de gerenciamento de um projeto abrangendo todas os aspectos envolvidos.
  • Comunicar: os gerentes de projetos passam a maior parte do seu tempo se comunicando com os membros da equipe e outras partes interessadas do projeto.

Além disso, os gerentes de projetos devem dominar diversas habilidades interpessoais que utilizam com frequência, dentre as quais pode-se destacar:

  • Comprometimento, responsabilidade, ética e honestidade;
  • Transparência, franqueza, clareza e objetividade;
  • Liderança, agregação, motivação e entusiasmo;
  • Solução de conflitos e problemas;
  • Negociação, influência e persuasão;
  • Decisão, iniciativa e proatividade;
  • Organização e disciplina;
  • Autocontrole, equilíbrio e resiliência;
  • Empreendedorismo;
  • Eficácia.

Mais que ser um facilitador, o gerente de projetos deve fazer a diferença no andamento e no sucesso dos projetos.

IPMA e ABGP

Uma entidade alternativa ao PMI é a Associação Internacional de Gerenciamento de Projetos — International Project Management Association (IPMA), mais difundida na Europa.

O documento IPMA Competence Baseline (ICB), produzido pela IPMA, é análogo ao PMBOK do PMI. O ICB, versão 3.0, 2006 (em inglês) pode ser baixado gratuitamente.

O “Olho da Competência” (ver figura) representa o olhar IPMA sobre as melhores práticas e competências dos Gerentes de Projetos. Simboliza o conjunto representado pelos 46 Elementos do ICBv3, em que 20 Elementos são da Competência Técnica, 15 da Competência Comportamental e 11 da Competência Contextual.

O modelo de certificação da IPMA é baseado em competências. O ICB é a base para o sistema IPMA 4 Level certification (4LC). Os quatro níveis de certificação profissional da IPMA são: D – Certified Project Management Associate; C – Certified Project Manager; B – Certified Senior Project Manager; A – Certified Projects Director. A certificação Nível D da IPMA é similar à CAPM do PMI, e a Nível C, à PMP.

A Associação Brasileira de Gerenciamento de Projetos (ABGP) está filiada, desde julho de 2002, à IPMA. O ICB foi a principal referência para a elaboração do Referencial Brasileiro de Competências (RBC) em Gerenciamento de Projetos, utilizado pela ABGP/IPMA na certificação de Gerentes de Projetos no Brasil.

Para saber mais

FONTE: http://www.mhavila.com.br/topicos/gestao/pmbok.html

julho 25th, 2011

Posted In: Sem categoria

Tags:,

Leave a Comment

Click para ampliar!

Olhem com bastante atenção e cuidado aos SPAM’s que chegam em sua caixa de e-mail, para não cair no golpe e ter seu computador contaminado por vírus, olhem essas dicas. Lembre-se de marcar o e-mail como “SPAM” (gmail, yahoo) ou “Lixo Eletronico” (hotmail), para que essas pragas não se propaguem pela Internet.

SPAM virus

Click Para Ampliar!

Mesmo que você use o mais poderoso dos anti-virus, se você clicar  no link, você será contaminado! Fique Esperto!!

  • Spam – mensagens de e-mail não desejadas e enviadas em massa para múltiplas pessoas por um spammer, agente difundidor dessas mensagens, que normalmente possui propagandas indesejadas, códigos maliciosos e vírus diversos;
  • Vírus – As mensagens de e-mail são um excelente veículo de propagação de vírus, sobretudo através dos ficheiros (arquivos) anexos. Por isso recomenda-se nunca baixar um ficheiro (arquivo) tipo .exe ( executáveis) ou outros suspeitos;

julho 20th, 2011

Posted In: Sem categoria

Tags:, ,

Leave a Comment

A PEDIDOS, ESTAREMOS REPETINDO DIA 23/07/2011 A TRILHA DO BELEZINHA.
QUEM PARTICIPOU GOSTOU MUITO, AGORA É A SUA VEZ !

QUEM PODE PARTICIPAR:

  • Crianças acompanhadas – a partir dos 08 anos e que pratiquem alguma atividade física.
  • Jovens, Adultos e Idosos que caminhem diariamente e tenham a capacidade de passar por cima de troncos e galhos e suporte 5km.

Como chegar


– COMO CHEGAR NO LOCAL
– Siga rumo a mosqueiro, depois da ponte, marque 4700 metros, você verá do lado direito uma placa da CERPA e embaixo escrito Balneário Belezinha. Entre pelo portão e vá até chegar no igarapé.
– Se você estiver em mosqueiro e for para o Balneário, o mesmo fica do lado esquerdo 3.980 depois do portal da ilha.

INFORMAÇÕES GERAIS:

  • LOCAL: BALNEÁRIO BELEZINHA. Ilha de Mosqueiro.
  • DATA: 23/07/2011 (Sábado).
  • HORÁRIO ENCONTRO: 08:00h.
  • HORÁRIO SAÍDA – 09:00 h.
  • HORÁRIO CHEGADA – Entre 11:00h.
  • Caracteríticas da Trilha: Single-track, travessias, trechos de mata fechada e banho de Igarapé no final.
  • PERCURSO: 4,7km.
  • Guia: Guilherme, Eduardo e Edilson.

CONHECIMENTO DE RISCO
Comunicamos a todos que ao participar dos passeios, o participante assume que o está fazendo por livre e espontânea vontade, assumindo todos os riscos, ficando responsável por sua própria integridade física e guarda de seus objetos e pertences, assim como o seu deslocamento até o local onde ocorrer o evento.
Os passeios são realizados, na maioria das vezes, em áreas de difícil acesso, em ambientes rústicos e isolados, e apesar de serem tomadas providências à minimizar os riscos nas áreas, acidentes podem acontecer. A decisão de participar do evento e única e exclusiva do participante que o faz de acordo com suas limitações.

E, que, isento a organização do evento e todos os patrocinadores, de quaisquer danos causados a mim ou a terceiros, por questões físicas ou materiais que me acometam ou que eu venha a dar causa por ato próprio.

RISCOS ENVOLVIDOS NA ATIVIDADE
Risco Material: quedas de materiais pessoais, como por exemplo, máquinas fotográficas, equipamentos de filmagem, óculos de sol ou de grau, bonés, relógios ou qualquer outro produto que possa estar portando no momento do evento;

Riscos gerais de passeios: intempéries climáticas, quedas, escoriações, lesões graves ou gravíssimas por não cumprimento das orientações, queimaduras, insolação, atropelamento, acidente de trânsito, assalto, roubo de materiais, e risco de morte dentre outros.
_________________
Ats. Guilherme Bahia
91-88973125
guilherme_bahia@yahoo.com.br
guilherme@eart.esp.br
guilherme@kaluana.com

MAIS INFORMAÇÕES: http://www.eart.esp.br/forum/viewtopic.php?p=30111#30111

julho 20th, 2011

Posted In: Belém, Esportes, Eventos

Tags:, , ,

Leave a Comment

Para fazer a sua Imagem personalizada acesse o site: http://turhan.me/+me/

Por falar nisso…me add no google+ pelo meu email: malcher.malch [arroba] gmail.com

julho 14th, 2011

Posted In: Sem categoria

Tags:

Leave a Comment


Nunca aconteceu isso comigo…mais já pedalei na garupa de uma Bike Caloi Poti e realmente dá essa sensação!!Hehehehheheh!

Fonte: http://semradar.com.br/

julho 11th, 2011

Posted In: Piadas

Tags:,

Leave a Comment

Ajudando a divulgação do evento que talvez eu estarei por lá!

ULTIMOS DIAS PARA VOCÊ FAZER SUA RESERVA NA I CAMINHADA DO VERÃO 2011 DE MOSQUEIRO. ENVIE UM E-MAIL PARA GUILHERME@KALUAN.COM, E CASO VOCÊ QUEIRA USAR A CAMISA DO EVENTO A MESMA CUSTARÁ APENAS R$10,00 COM O PAGAMENTO FEITO UMA HORA ANTES DA CAMINHADA.

PARA O PROJETO SOCIAL NÃO ESQUEÇA DE LEVAR OS 2Kg DE ALIMENTOS OS QUAIS SERÃO DOADOS PARA CRECHE FILHOS DO AURÁ. VEJA ABAIXO INFORMAÇÕES DE COMO CHEGAR NO LOCAL DA CAMINHADA.

COMO CHEGAR NO LOCAL
– Siga rumo a mosqueiro, depois da ponte, marque 4700 metros, você verá do lado direito uma placa da CERPA e embaixo escrito Balneário Belezi nha. Entre pelo portão e vá até chegar no igarapé.
– Se você estiver em mosqueiro e for para o Balneário, o mesmo fica do lado esquerdo 3.980 depois do Portal da Ilha.

INFORMAÇÕES GERAIS:
Arrow LOCAL: BALNEÁRIO BELEZINHA. Ilha de Mosqueiro.
Arrow DATA: 09/07/2011 (Sábado).
Arrow HORÁRIO ENCONTRO: 08:00h.
Arrow HORÁRIO SAÍDA – 09:00 h.
Arrow HORÁRIO CHEGADA – Entre 11:00h.
Arrow Caracteríticas da Trilha: Single-track, travessias, trechos de mata fechada e banho de Igarapé no final.
Arrow PERCURSO: 5km.
Arrow Guia: Guilherme, Eduardo e Edilson.

Ats. Guilherme Bahia
91-88973125/ 83372191

PARA SABER + LEIA A FONTE: http://www.eart.esp.br/forum/viewtopic.php?t=4687

julho 4th, 2011

Posted In: Belém, Esportes

Tags:, ,

Leave a Comment